Adorar

Cléria d’Almeida Córdova

Digo tanto que te adoro…

Digo tanto que Te adoro…
O que é adorar?
É quietar no tempo
e buscar-Te.
É necessitar-Te
mais que ao alimento,
à água, como ao ar,
Embora, nem o ar importe.

Adorar 
É pensar tanto…
Que me faço silêncio permanente 
E já nem sinto necessidade de palavras;
Boca, só para Te louvar,
Para Te cantar.

Adorar,
É saber que és tudo
e só o que desejo
E o meu desejo constante
é perceber-Te
E fazes-Te perceptível…
E mais Te adoro,
Adoro e adoro mais ainda,
Sabendo-me amada,
Sabendo, que a minha adoração
É apenas correspondência
ao amor que me dedicas. Adorar,
É ansiar corresponder ao Teu Amor.

Salvador, 30 de maio de 1990.


Cléria d’Almeida Córdova, Poetisa, Mulher, Mãe e Vovó de Maria Eduarda, Helder e Inácio. Devota de Santa Dulce dos pobres, que tem o privilégio de apreciar o pôr do Sol na Bahia de todos os Santos.

Imagem: Henri Matisse — Vitral, estudo para « l’Arbre de Vie » (A Árvore da Vida), Musée Matisse, Nice

Poesia

Ignatiana Visualizar tudo →

IGNATIANA é um blog de produção coletiva, iniciado em 2018. Chama-se IGNATIANA (inaciana) porque buscamos na espiritualidade de Inácio de Loyola uma inspiração e um modo cristão de se fazer presente nesse mundo vasto e complicado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: