Vencer o medo

Descobrimos que Jesus é o verdadeiro pão que se oferece e que devemos partilhar. Partilhar através do anúncio e também da vivência do Evangelho. Esse é o modo de vencermos o medo.

— Simone Furqum Guimarães (Cebi/Planalto Central)

Leia mais Vencer o medo

Torta cremosa de cebola e queijo

Essa torta cremosa de cebola e queijo sem glúten, com certeza, foi uma das receitas mais gostosas que provei sem glúten.
Você pode servir como acompanhamento ou mesmo como um lanche mais leve à noite, como eu fiz.
A farinha usada é a goma de tapioca. Leva também creme de ricota e queijo muçarela.

— Lylia Diógenes

Leia mais Torta cremosa de cebola e queijo

Fé na ressurreição

Inicia dizendo que Maria Madalena foi a primeira a ver o Cristo ressuscitado. E Jesus repreende os onze discípulos por não acreditar no testemunho de Maria Madalena e de outros dois seguidores. A missão dos cristãos é de anunciar, mas como anunciar se não acreditam na ressurreição?

— Simone Furqum Guimarães (Cebi/Planalto Central)

Leia mais Fé na ressurreição

Colaborar com a Criação

Jamais estivemos, como humanidade, frente a frente com os limites da biosfera. Jamais estivemos a ponto de destruir em escala tão ampla a delicada e intrincada teia da vida que nos sustenta. Por isso que, além da ética da sustentabilidade, estas ameaças exigem também uma reflexão à luz da espiritualidade. Mexe com nossa espiritualidade porque não é possível dissociar a espiritualidade do mundo circundante, da realidade que nos rodeia.

Mística do século XXI #20

— Luiz Fernando K. Merico

Leia mais Colaborar com a Criação

O perfume da nova vida ressuscitada

Domingo de Páscoa

As mulheres revelaram uma presença fundamental nos relatos da Páscoa. Elas seguiram e serviram a Jesus com seus bens pelos caminhos da Galileia e permaneceram fiéis até o final, até a Cruz. São testemunhas, como tantas mulheres de hoje, da fidelidade nas situações limite, onde o que lhes toca fazer é estar e acompanhar, na sua impotência e luto, até que emerja o inédito. São testemunhas da semente do amor entregue, que, embora invisível no ventre da terra, vai pouco a pouco abrindo caminho para a luz, afastando pedras e abrindo espaços, dando à luz o novo, porque o Deus de Jesus não é um Deus de mortos, mas de vivos.

— Pe. Adroaldo Palaoro, SJ

Leia mais O perfume da nova vida ressuscitada