Igreja com rosto mestiço

Papa Francisco

A Mãe de Deus é figura da Igreja e dela queremos aprender a ser Igreja com rosto mestiço, com rosto indígena, afro-americano, com rosto camponês, com rosto cola, ala, cacaxtle. Semblante pobre, de desempregado, de menino e menina, idoso e jovem, para que ninguém se sinta estéril nem infecundo, a fim de que ninguém se sinta envergonhado ou de pouca monta. Mas, ao contrário, para que cada um, como Isabel e Juan Diego, possa sentir-se portador de uma promessa, de uma esperança, e dizer do íntimo do seu ser: «Aba, ou seja, Pai!» (Gl 4, 6), a partir do mistério desta filiação que, sem cancelar os traços de cada um, nos universaliza constituindo-nos povo.

Irmãos, neste clima de memória grata por sermos latino-americanos, entoemos no nosso coração o cântico de Isabel, o cântico da fecundidade, e digamos juntos aos nossos povos que não se cansem de o repetir:

Bendita sois Vós entre todas as mulheres,
e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.

Homilia na Basílica Vaticana
12 de dezembro de 2017.


12 de dezembro
Nossa Senhora de Guadalupe
Padroeira da América Latina

Liturgia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: