Foco

Cléria d’Almeida Córdova

Dá licença distração!
O tempo escasseia
E você bloqueia minha caminhada.
Utiliza a repetição, acomodação,
Para reter minha busca.

Sou culpada;
Atendo a apelos passageiros,
Quando só um é o correto.
Eu sei, nada mudarei
Além de a mim mesma;
Esta será a prestação de contas,
Que obrigatoriamente farei.

As estações sucedem-se,
Plantas preparam flores,
Árvores proveem frutos,
Todos elementos naturais
Buscam contribuir para a harmonia.

E eu?
Por que aplicarei meu tempo
Em discussões e informações infrutíferas ?
Meus passos já ficam lentos
E a alma ordena que eu corra,
O espírito aponta-me o alto;
Preciso valorizar meu momento,
Focar no deveras importante:
O motivo  desta minha passagem,
Para não retornar sem crescimento.

Salvador, 6 de maio de 2020.


Cléria d’Almeida Córdova, Poetisa, Mulher, Mãe e Vovó de Maria Eduarda, Helder e Inácio. Devota de Santa Dulce dos pobres, que tem o privilégio de apreciar o pôr do Sol na Bahia de todos os Santos.

Imagem: Tarsila do Amaral — Natureza-Morta com Relógios, 1923. In: Enciclopédia Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileira. São Paulo: Itaú Cultural, 2021.

Poesia

Ignatiana Visualizar tudo →

IGNATIANA é um blog de produção coletiva, iniciado em 2018. Chama-se IGNATIANA (inaciana) porque buscamos na espiritualidade de Inácio de Loyola uma inspiração e um modo cristão de se fazer presente nesse mundo vasto e complicado.

1 comentário Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: