Porque amo Jesus (II)

Cléria d’Almeida Córdova


Meu coração sempre desejou um grande amor.
Tinha sim, tantos amores,
Minha vida tinha entrega,
Tinha doação;
Mas foi na Oração,
Que encontrei o Caminho
Para a Morada do Amor.

De início pensei,
que empreendia só,
Esta busca,
Sem perceber,
que era orientada.
Minhas leituras tinham sede
de um conhecimento transcendental,
De enriquecimento da alma.

A inspiração que se fazia Poesia,
O desejo permanente de seguir
A Escalada da Montanha Sagrada,
Eram a Luz Divina
Dirigindo meus passos.

Eram também,
Minh’alma buscando Seu Aconchego;
Minha vida
Ansiando por Vida;
Minha sede de amar
No irresistível desejo
De entregar-se a Jesus.

Salvador, 20 de outubro de 2020.


Cléria d’Almeida Córdova, Poetisa, Mulher, Mãe e Vovó de Helder e Inácio. Devota de Santa Dulce dos pobres, que tem o privilégio de apreciar o pôr do Sol na Bahia de todos os Santos.

Imagem: Antonio Poteiro (1925-2010) — Lua-de-mel no Céu, 1984. Enciclopédia Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras.

Poesia

Ignatiana Visualizar tudo →

IGNATIANA é um blog de produção coletiva, iniciado em 2018. Chama-se IGNATIANA (inaciana) porque buscamos na espiritualidade de Inácio de Loyola uma inspiração e um modo cristão de se fazer presente nesse mundo vasto e complicado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: